Imagem: Mausoléu Integralista no Cemitério de São Francisco Xavier, maior das quatro necrópoles que compõem o complexo conhecido como Cemitério do Caju, no Rio de Janeiro.

Senhor, por Cujo Reino temos lutado e lutaremos sempre; Senhor, Cuja estátua erguemos no alto cimo do Corcovado, donde abre os braços sobre nós, a abençoar, em infinita bênção, toda a nossa e a Vossa Terra de Santa Cruz; Senhor, eis-nos aqui, em pensamento, diante do Mausoléu donde jazem os restos mortais daqueles que, por Vós e pela Pátria, caíram um dia, sonhando um Brasil Maior, sonhando, como nós, Senhor, um Brasil Integral, reconduzido às bases morais de sua formação e às vias gloriosas que por Vós lhe foram traçadas.

Senhor, que nos escolhestes para soldados Vossos e do nosso e Vosso Brasil, eis-nos aqui, Senhor, para ouvir as palavras silenciosas destes e de todos os demais cavaleiros Vossos e da Imperial Nação Brasileira caídos no bom combate pela redenção deste Império da Santa e Vera Cruz.

Senhor, Criador e Imperador de todo o Universo, acolhei piedosamente nos Céus os Vossos servos e guerreiros mortos na peleja pelo Grande Brasil Novo com que todos sonhamos e dai fortaleza e bravura a nós que caminhamos para a morte na esperança de que esta não seja senão o portal da vida verdadeira e eterna diante da Vossa Face e que pugnamos para dar a Vós um fecundo Reinado Social neste Magno Império do ontem e do amanhã.

Cremos em Vós, Senhor, e é por Vós que nos levantamos, por Vós que queremos uma Terra de Santa e Vera Cruz Maior, por Vós que pregamos a solidariedade e a harmonia social e por Vós que temos batalhado e seguiremos batalhando, conscientes de que, moralmente, a vitória já nos pertence e de que já passamos e passaremos, em marcha por Vós e para Vós.

LEIA TAMBÉM  Lideranças integralistas filiam-se ao PTB

AMÉM!

Victor Emanuel Vilela Barbuy,

São Paulo, 11 de Maio de 2019-LXXXVI.

 

Publicado em 11 de Maio de 2019 e revisado em 12 de Maio de 2020.